Lição 3 - Quando a Chamada de Deus não Faz Diferença: Os Filhos de Eli

Trimestre: 4° de 2020 |Lições Bíblicas de Jovens, CPAD Compre a Revista Aqui 

TEXTO DO DIA:

"[...] Porém, agora, diz o SENHOR: Longe de mim tal coisa, porque aos que me honram honrarei, porém os que me desprezam serão envilecidos." (1 Sm 2.30)

 

SÍNTESE

Manter a vocação dada por Deus é um desafio diário, que

não pode ser considerado como de pouca importância.


AGENDA DE LEITURA

SEGUNDA - Rm 13.7

A quem honra, honra

TERÇA - Mt 15.8

Honra da boca para fora

QUARTA - Pv 21.21

Honra como fruto da justiça

QUINTA - Pv 18.12

Na frente da honra vai a humildade

SEXTA - Rm 1.10,11

Prefira honrar o próximo

SÁBADO - Is 42.8

Deus não divide sua glória

 

OBJETIVOS

REFLETIR a respeito da chamada sacerdotal que foi esquecida pelos filhos de Eli;

MOSTRAR o desprezo que os filhos de Eli tinham pelas coisas de Deus;

CONHECER a respeito das consequências de se desprezar a Deus.

  

INTERAÇÃO

Nessa lição, veremos que os filhos de Eli ficaram conhecidos por desrespeitarem a santidade de Deus no ofício sacerdotal e procurarem de maneira sórdida satisfazerem seus desejos pessoais. A falta de temor de Hofni e Fineias era tão grande que eles se deitavam com as mulheres que iam à tenda da congregação (1 Sm 2.22). Eles profanaram o sagrado com suas ações insanas e pecaminosas. Mas homem algum pode escarnecer de Deus sem receber a devida reprimenda. Como não se arrependeram de suas ações e continuaram enganando, roubando e fazendo o que bem entendessem, o Senhor colocou um basta e permitiu que a arca fosse levada pelos inimigos e eles fossem mortos no mesmo dia. 

 

ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA

Prezado (a) professor(a), sugerimos que para a aula de hoje você promova um debate com a sua turma. Divida os alunos de modo que formem 3 grupos, cada grupo deverá ficar com uma questão para ser discutida. Escreva as questões no quadro (observe abaixo). Em seguida peça que os grupos escolham a questão que desejam discutir. Delimite um tempo para que os grupos discutam as questões e após forme um único grupo onde os alunos podem expor suas conclusões.

 

Perguntas para discussão em grupo:

Por que mesmo sabendo das atitudes erradas dos seus filhos, Eli não os disciplinou?

O que os filhos de Eli estavam fazendo de errado?

Os pais precisam disciplinar seus filhos com responsabilidade?

Conclua enfatizando que Eli acabou honrado mais seus filhos do que a Deus. Ele falhou na disciplina com Hofni e Fineias e não somente seus filhos e sua família sofreram as consequências, mas todo o povo de Deus.

Texto bíblico

1 Samuel 2.27-30

27     E veio um homem de Deus a Eli e disse-lhe: Assim diz o SENHOR: Não me manifestei, na verdade, à casa de teu pai, estando os israelitas ainda no Egito, na casa de Faraó?

28    E eu o escolhi dentre todas as tribos de Israel para sacerdote, para oferecer sobre o meu altar, para acender o incenso e para trazer o éfode perante mim; e dei à casa de teu pai todas as ofertas queimadas dos filhos de Israel.

29     Por que dais coices contra o sacrifício e contra a minha oferta de manjares, que ordenei na minha morada, e honras a teus filhos mais do que a mim, para vos engordardes do principal de todas as ofertas do meu povo de Israel?

30    Portanto, diz o SENHOR, Deus de Israel: Na verdade, tinha dito eu que a tua casa e a casa de teu pai andariam diante de mim perpetuamente; porém, agora, diz o SENHOR: Longe de mim tal coisa, porque aos que me honram honrarei, porém os que me desprezam serão envilecidos.

 

INTRODUÇÃO

A forma como olhamos para as oportunidades que Deus nos dá fala muito a nosso respeito. Enquanto há pessoas que tem um encontro pessoal com Deus quando adultas, há outras que são privilegiadas por nascerem dentro de um lar onde Deus é adorado e sua Palavra é ensinada. Mas tal oportunidade não se traduz, necessariamente, no reconhecimento da bondade de Deus para com essas pessoas. Há casos de pessoas, como por exemplo, Hofni e Fineias, que desprezaram a Deus mesmo tendo recebido uma oportunidade diferenciada.

 

I - A CHAMADA SACERDOTAL ESQUECIDA

 

1. A família de Eli.

Os livros de Samuel estão inseridos no período dos juízes, época em que ainda não havia rei em Israel. É um período em que a Bíblia registra uma sequência de afastamentos do povo da presença de Deus, e das permissões que o Senhor concedia aos inimigos do seu povo para oprimi-los. É nesse contexto que Hofni e Fineias surgem no relato sagrado.

 

Vindos de uma família sacerdotal, os moços cresceram e foram educados dentro do ambiente onde era realizado o culto ao Senhor. Eles foram ensinados a respeito dos protocolos do culto. Sabiam como usar as vestimentas sacerdotais, a ordem dos cerimoniais, como oferecer os sacrifícios, as datas festivas e como aplicariam a Lei de Deus. Mas esse conhecimento não fez daqueles moços pessoas tementes ao Senhor.

 

Como veremos, tal conhecimento se perde na história quando é colocado à disposição de quem não dá valor ao que Deus tem como valioso. Mais do que todo esse conhecimento, o Senhor esperava deles um relacionamento. Eles tinham o sangue da descendência sacerdotal, as roupas para as cerimônias, conheciam os rituais de sacrifícios, mas não tinham proximidade com Deus. Proximidade nem sempre produz intimidade.

 

Não basta nascer em uma família que teme e serve a Deus. É preciso que cada geração tenha sua própria experiência de fé com o Todo-Poderoso, que tenha a oportunidade de conhecer e viver o Evangelho de Cristo, ter seus pecados perdoados e suas vidas mudadas.

 

2. Sacerdotes do Senhor em Siló.

Hofni e Fineias são mencionados como sacerdotes do Senhor em Siló (1 Sm 1.3). Essa localidade, Siló, era o centro de adoração naqueles dias, e os israelitas se dirigiam para aquela localidade a fim de celebrar ao Senhor. Há estudiosos que creem que Siló pode ser considerada a primeira capital de Israel, dada à sua importância para as tribos que haviam saído do deserto. Quando entraram na Terra Prometida, os hebreus se juntaram em Siló e ali montaram a tenda da congregação (Js 18.1). Em Siló Ana orou ao Senhor pedindo um filho, e o Eterno a ouviu. Também em Siló os filhos de Eli davam mal testemunho de seu sacerdócio, roubando carne do sacrifício e se deitando com mulheres (1 Sm 2.16). Por fim, foi em Siló que a Arca do Senhor foi capturada pelos filisteus, uma vergonha para a nação de Israel. O Senhor mesmo confirma que estava naquele lugar. Foi em Siló que Deus diz a Jeremias que "fiz habitar o meu nome" (Jr 7.12).  E foi lá que Ele despertou Samuel para o chamado profético com que seria usado por décadas.

 

3. Filhos de Belial.

A Palavra nos diz que aqueles moços eram filhos de Belial (1 Sm 2.12). A palavra "Belial" (beliy´al) traz a ideia de algo ou pessoa inútil, sem valor. Os filhos de Eli não eram pessoas úteis no ministério sacerdotal. Seu testemunho público era vergonhoso, e não representavam o Deus que os havia escolhido. Essa expressão, "filhos de Belial", é aplicada aos homens de Gibeá, que abusaram e violentaram a concubina de um levita que se dirigia à Casa do Senhor (Jz 19.22). A atitude desses homens foi tão condenável que as demais tribos se juntaram contra os benjamitas e quase os destruíram.

 

É curioso que Eli, pai dos sacerdotes, tenha considerado que Ana, a futura mãe de Samuel, estava bêbada quando a serva do Senhor, em sua angústia, estava orando sem pronunciar uma palavra (1 Sm 1.12,13). Eis aqui um contraste. Eli acredita que Ana estava tendo uma atitude imprópria no momento de oração, e Deus diz que os filhos de Eli eram pessoas impróprias ao ministério sacerdotal quando os chama de filhos de Belial. Que sejamos bem cautelosos antes de emitir um juízo sobre uma pessoa. 

 

Pense!

Mais do que receber uma chamada da parte de Deus para executar um ministério, é importante estar dentro dos padrões dEle para exercer essa chamada.

 

Ponto Importante

Deus fez questão de classificar os filhos de Eli como filhos de Belial, pessoas que se tornaram inúteis para a chamada que receberam de Deus.

 

II - O DESPREZO PARA COM AS COISAS DE DEUS

 

1. Desrespeito com a oferta do Senhor.

 

Um dos momentos mais sagrados no culto cristão é aquele em que honramos a Deus com nossos dízimos e ofertas, cientes de que nosso ato de fé é importante para a manutenção da Casa de Deus. É também uma forma de mostrar que não somos dominados pela ganância. Hofni e Fineias pegavam para si a "gordura", a parte que era destinada ao Senhor, para ser queimada. Quando um hebreu trazia uma oferta de animais, os sacerdotes tomavam a oferta antes de a mesma ser dada ao Senhor. "[...] Queimem primeiro a gordura de hoje, e depois toma para ti quanto desejar a tua alma, então, ele lhe dizia: Não, agora a hás de dar" (1 Sm 2.16).

 

2. Vida violenta.

Os filhos de Eli são descritos como homens violentos. Sem limites e acostumados a não ouvir ninguém. Se isso fosse pouco, agiam com violência se uma pessoa não quisesse entregar a eles aquilo quer era do Senhor: "[...] se não, por força a tomarei" (1 Sm 2.16). Eles forçavam as pessoas a fazer o que eles queriam. "Era, pois, muito grande o pecado desses jovens perante o SENHOR, porquanto os homens desprezavam a oferta do SENHOR" (1 Sm 2.17). Aqueles moços fizeram suas regras pessoais no culto, não para adorar ao Senhor, mas para se beneficiar das ofertas que eram trazidas pelas pessoas.  

 

3. Vida imoral.

Apesar da chamada que haviam recebido da parte de Deus, Hofni e Fineias não reconheceram sua própria vocação, e se utilizaram dela para proveito próprio. Eles eram conhecidos por desrespeitarem a santidade de Deus no ofício sacerdotal, quando usufruíam de favores sexuais de mulheres que iam à tenda da congregação (1 Sm 2.22). Aqui reside um dos maiores problemas para pessoas que estão em posição de influência, sem crer que seus atos deverão ser julgados um dia: aproveitarem-se de sua posição para satisfazerem seus desejos pessoais. Aqueles sacerdotes desrespeitavam o culto e o local sagrado, e se aproveitavam sexualmente do ambiente em que estavam.

 

Desrespeitando os próprios casamentos, aqueles moços fizeram do ambiente sagrado um local para satisfazerem seus instintos adúlteros. E Deus os julgaria por esses atos.

 

III - CONSEQUÊNCIA DE SE DESPREZAR A DEUS

1. Perderam a vida.

Aqueles sacerdotes não respeitaram seu chamado. Desprezaram a Deus, e numa batalha dos israelitas contra os filisteus, a arca do Senhor foi tomada, e eles, mortos (1 Sm 4.11). Deus havia dito a Eli que julgaria os seus dois filhos: "E isto te será por sinal, a saber, o que sobrevirá a teus dois filhos, a Hofni e a Fineias: que ambos morrerão no mesmo dia" (1 Sm 2.34). É possível dizer que parte do comportamento dos  filhos de Eli se deve a ele próprio, por ser um pai tolerante com os pecados dos filhos: "Porque já eu lhe fiz saber que julgarei a sua casa para sempre, pela iniquidade que ele bem conhecia, porque, fazendo-se os seus filhos execráveis, não os repreendeu" (1 Sm 3.13). Para piorar a situação, Eli parecia conformado com o julgamento divino: "Então, Samuel lhe contou todas aquelas palavras e nada lhe encobriu. E disse ele: É o SENHOR; faça o que bem parecer aos seus olhos" (1 Sm 3.18). Ele não buscou ao Senhor por seus filhos. Não orou nem chorou por eles naquele momento. O preço de sua tolerância foi a morte de seus filhos e o afastamento de sua família das atividades sacerdotais. Os filhos de Eli morreram perto da Arca, o símbolo da presença de Deus entre os hebreus, presença essa que eles desrespeitavam.

 

2. Eu honro os que me honram.

Uma das passagens bíblicas mais enfáticas no tocante à forma como somos tratados por Deus encontra-se em 1 Samuel 2.30: "[...] Aos que me honram honrarei, porém os que desprezam serão envilecidos". Envilecer significa tornar vão, inútil. Ao invés de Hofni e Fineias servirem ao Senhor e serem honrados por Ele, preferiram honrar a si mesmos e aos seus desejos. Deus os havia honrado, dando-lhes a oportunidade de nascerem em uma família sacerdotal e ministrarem a todo povo, mas eles não colocaram Deus em primeiro lugar. Eles não o destacaram em suas vidas, pois honrar é dar destaque, distinguir, de forma positiva, com a intenção de homenagear. É uma virtude em que o ser humano reconhece a grandiosidade do Eterno e lhe rende adoração e respeito. Essa virtude faltou naqueles homens. Para eles, o culto a Deus não tinha valor, e o ministério que deveriam exercer com excelência e temor era encarado como obrigações com as quais poderiam fazer, se quisessem. Cabe aqui uma advertência: Os que são chamados para o ministério devem cumprir a sua chamada com sobriedade: "Mas tu sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério" (2  Tm 4.5).   

 

3. Deus chama Samuel.

Deus não deixou de abençoar a nação de Israel por causa dos pecados dos filhos de Eli. Todavia, o pecado sempre tem consequências maléficas e os israelitas perderam temporariamente a guerra contra os filisteus, e a Arca de Deus foi levada como despojo de guerra. O Eterno também julgou os filisteus e eles devolveram a Arca da Aliança; Deus deu aos israelitas um novo sacerdote: Samuel. "[...] ia crescendo e fazia-se agradável, assim para com o Senhor como também para com os homens" (1Sm 2.26). Notemos a diferença entre o comportamento dos filhos de Eli e o do jovem Samuel. Todos foram criados em um ambiente cercado pelas atividades do ministério, mas Hofni e Fineias se esquecerem de que deveriam ouvir e servir ao Senhor. Samuel ouviu a voz de Deus, e atendeu-lhe o chamado.

 

É curioso que, mesmo sendo Samuel um menino, e sendo criado no ambiente em torno do santuário, não conhecia ao Senhor: "Porém Samuel ainda não conhecia ao SENHOR, e ainda não lhe tinha sido manifestada a palavra do SENHOR" (1 Sm 3.7). Ainda assim, Samuel obedeceu à voz de Deus, pela orientação de Eli. Crianças precisam e podem conhecer a Deus, e assim fazendo, poderão ser muito usados no ministério pessoal e coletivo desde a tenra idade, como Samuel o foi.

 

Pense!

Deus deixa de realizar sua obra por causa de pessoas que o desonram?


Ponto Importante

Deus levanta outras pessoas que o honrem, a fim de que o seu nome seja glorificado e a sua obra seja continuada.


SUBSÍDIO

"Os filhos de Eli

Eles tinham o conhecimento necessário para saber que seus atos estavam errados, mas continuaram a desobedecer a Deus de maneira deliberada, enganando, corrompendo, e roubando o povo. Portanto, Deus planejou matá-los.

Qualquer pecado é errado, mas o pecado realizado de forma deliberada é o pior tipo. Quando pecamos por ignorância, merecemos punição. Mas se pecamos intencionalmente, as consequências serão mais graves. Não ignore as advertências de Deus sobre o pecado. Abandone o pecado antes que ele se torne um modo de vida.

 

Será que um Deus amoroso levará alguém à morte? Considere a situação no Tabernáculo. Uma pessoa fazia uma oferta para ter seus pecados perdoados e os filhos de Eli roubavam a oferta e tratavam a atitude de arrependimento da pessoa com fingimento. Deus, em seu amor por Israel, não poderia permitir que esta situação continuasse. Ele permitiu que os filhos de Eli morressem como resultado da própria presunção arrogante deles. Levaram a Arca para a batalha, acreditando que isto iria protegê-los" (Bíblia de Estudo Cronológica Aplicação Pessoal. Rio de Janeiro: CPAD, 2015, p. 432). 


CONCLUSÃO

A Palavra de Deus nos mostra que não basta ser escolhido por Deus para um determinado ministério. É preciso levar a sério essa chamada, sob pena de desperdiçarmos os dons que Deus depositou em nós para que fôssemos úteis em sua obra. A vocação não correspondida é inútil. Que possamos, com base nesta lição, ser pessoas mais gratas a Deus pelas oportunidades que recebemos, e jamais desprezar a graça e o privilégio de servi-lo.

 

HORA DA REVISÃO

1. Em que período da história de Israel estão inseridos os livros de Samuel?

Os livros de Samuel estão inseridos no período dos juízes, época em que ainda não havia rei em Israel.

 

2. Quais os nomes dos dois filhos do sacerdote Eli que não honraram a Deus?

Hofni e Fineias.

 

3. Qual a localidade onde os filhos de Eli exerciam seus sacerdócios?

Hofni e Fineias são mencionados como sacerdotes do Senhor em Siló (1 Sm 1.3). Essa localidade, Siló, era o centro de adoração naqueles dias, e os israelitas se dirigiam para aquela localidade a fim de celebrar ao Senhor.

 

4. Qual o significado da palavra "Belial"?

A palavra "Belial" (beliy´al) traz a ideia de algo ou pessoa inútil, sem valor.

 

5. O que Hofni e Fineias faziam com as ofertas que eram trazidas à Casa de Deus?

Eles pegavam para si a oferta antes de a mesma ser dada ao Senhor.

Receba Lições Bíblicas, Artigos, Subsídios e Estudos TeológicosÉ Grátis. Digite seu E-mail e clique em 'CADASTRAR', em seguida abra o seu e-mail e clique em nosso link de confirmação:


Escola EBD

Nenhum comentário

Imagens de tema por PLAINVIEW. Tecnologia do Blogger.